Comércio e Vendas

Tendências, novidades, notícias e dicas do mundo do Comércio e Vendas

Comércio e Vendas

25 fev 2019
Seja o primeiro em comentar

O que são produtos de consumo de massa e suas melhores práticas?

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Média: 2,00 de 5)
Loading...

Existem certos produtos que todos nós precisamos, produtos que são consumidos por todos os estratos sociais. Isso provoca uma alta competição das empresas que se dedicam a esse setor, que tentam se diferenciar por meio de alternativas para conquistar mais clientes.

No ambiente de mudanças em que nos encontramos, esse setor, mais do que qualquer outro, precisa se adaptar a essas mudanças, aproveitá-las e transformá-las em oportunidades. Neste artigo vamos discutir quais são os produtos de consumo de massa e quais são as melhores práticas que as empresas do setor devem implementar para alcançar o sucesso.

O que são produtos de consumo de massa?

Produtos de consumo de massa são definidos como produtos de alta demanda. São os produtos exigidos por todos os estratos da sociedade, o que motiva a competição entre as empresas desse setor, atraindo clientes, tentando se diferenciar oferecendo alternativas, preços ou agregados.

Entre as principais características desses produtos, podemos destacar:

  • Consumo imediato: estes produtos geralmente não duram muito em casa, são fabricados com a ideia de que sejam consumidos em um curto período de tempo.
  • Compra diária: por serem produtos de primeira necessidade consumidos rapidamente, são adquiridos pelos consumidores diariamente.
  • Fácil de encontrar: você pode encontrar os produtos de consumo de massa em diferentes lugares, sem grandes dificuldades, uma vez que existem inúmeras empresas dedicadas a este setor.
  • Preço reduzido: a demanda por esses produtos varia de acordo com os preços. Como já dissemos, todos os estratos da sociedade os consomem e por isso têm um preço muito acessível.

A Coca-Cola é a marca de produtos de consumo de massa mais escolhida no mundo, de acordo com o ranking anual da Kantar Worldplanel. Em segundo lugar, encontramos a Colgate, que é a única marca adquirida pela maioria dos lares do mundo.

Esse ranking é calculado através dos “consumer reach points”, que medem quantas residências no mundo e com que frequência estão comprando uma determinada marca.

Melhores práticas para o consumo de massa

Os setores de consumo de massa estão enfrentando desafios sem precedentes que precisam enfrentar. Estas são algumas das melhores práticas que podem ser implementadas:

Especialização

Uma das práticas mais comuns ultimamente entre as empresas de consumo de massa é livrar-se das marcas que não se alinham com o núcleo de seus negócios, ou seja, aquelas que geram valor e que serão uma vantagem competitiva benéfica para a empresa. Um exemplo claro dessa prática é encontrado na empresa Alicorp, a maior empresa de bens de consumo do Peru, em todo o continente americano. Esta empresa vendia de tudo em diferentes linhas de negócio, até mesmo chegou a incluir uma fábrica de produção de ômega 3.

No entanto, esta tendência inverteu-se e a empresa se desfez de suas linhas de sorvete Lamborgini e de pet food Mimaskot e Nutrican. Isso permitiu que eles aprimorassem o processo. Como a Alicorp, encontramos outras marcas que recompuseram seu portfólio de marcas, eliminando aquelas que não agregam valor. É o caso da Nestlé, da Procter & Gamble e da Unilever, que passaram de produzir de “tudo” a especializar-se.

Digitalização

Em um mercado no qual as limitações de recursos aumentam, o meio digital se torna o melhor aliado para interagir com os consumidores. Vendas on-line de produtos em massa aumentaram consideravelmente, de fato, considera-se que em 2017 quase 50% da população mundial terá acesso à Internet e que o número de smartphones excederá o número de habitantes do planeta.

Um exemplo do sucesso da digitalização em produtos de consumo pode ser o sistema drive desenvolvido na França. Consiste em uma cadeia de autosserviço na qual o cliente compra produtos on-line e, em seguida, os coleta no ponto de venda mais próximo, um meio caminho entre o e-Commerce e o comércio tradicional.

Para obter sucesso neste processo, daremos algumas dicas:

  • Experiência de compra divertida: é essencial atrair a atenção do comprador na compra de produtos para consumo em massa.
  • Poder salvar a lista de compras: para compradores on-line é muito útil, especialmente no caso da compra de produtos de consumo de massa, salvar sua lista de compras, pois eles frequentemente compram os mesmos produtos repetidamente. Dessa forma, o consumidor economiza tempo aumentando os gastos na Internet e a fidelidade à marca.
  • Informações detalhadas: para aumentar a confiança do consumidor em nossos produtos, evitando a desconfiança típica das compras on-line, é importante incluir informações detalhadas sobre os produtos oferecidos. Incluir imagens deles também é essencial.
  • Poder escolher diferentes tipos de pagamento: para facilitar ao cliente a última fase da compra, evitando o abandono do carrinho, ofereça diferentes tipos de pagamento. Entre os mais comuns estão: PDV virtual, intermediadores como PayPal ou SafetyPay, transferência bancária on-line do usuário, carteiras virtuais como a Google Wallet, pagamento móvel ou pagamentos off-line.
  • Processamento automático de confirmação: para alcançar a conclusão da compra perfeita e converter o usuário em um cliente regular, em vez de fazer uma única venda. Na compra on-line, a venda não termina até que o cliente não tenha o produto em mãos e existe um período de tempo em que ele não tem nem dinheiro nem o produto, uma vez que pagou antecipadamente. Para que o cliente se sinta seguro, é muito útil receber uma confirmação da compra que inclua um identificador, um resumo da compra, o método de pagamento e o valor pago, além das informações de faturamento.
  • Entrega rápida e possibilidade de rastreamento: é importante que o usuário tenha a possibilidade de saber em qual parte do processo está seu pedido, por exemplo: em preparação, enviada e entregue, isso gera segurança.

Como temos dito, todos os setores estão passando por mudanças e se adaptando a eles para sobreviver no mercado. O setor de consumo de massa não estaria de fora, levando em conta o enorme efeito que tem na sociedade. Essas são mudanças derivadas das novas tecnologias e do surgimento da internet, bem como da mudança no comportamento e nas preferências do consumidor. As marcas estão se adaptando, criando assim uma vantagem competitiva e melhorias radicais e disruptivas nos negócios.

Esse ambiente de constante mudança significa que, o que é hoje uma vantagem, amanhã será um requisito essencial para sobreviver no mercado. Não fique para trás! Se você tem um negócio e quer adaptá-lo ao ambiente atual, vendendo e criando produtos exclusivos, não hesite em consultar o MBA em Digital Business da IEBS que irá ajudá-lo a fazer a mudança que sua organização precisa para enfrentar os novos avanços e transformar sua empresa.

MBA em Marketing e Digital Business

Um programa que irá ajudá-lo a fazer a mudança que sua empresa precisa para enfrentar os novos avanços

Tenho interesse!

Compartilhe e comente este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...

IEBS NAS REDES

PRÓXIMOS EVENTOS

BUSCAR NO BLOG