Entrevistas

Tendências, novidades, notícias e dicas do mundo do Entrevistas

Entrevistas

31 jan 2021
Seja o primeiro em comentar

Entrevista: Ricardo Castro, professor da IEBS

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Média: 4,67 de 5)
Loading...

Apresentamos Ricardo Castro, professor do MBA em Digital Business da IEBS. Gostaríamos de destacar seu esforço, envolvimento e motivação junto à turma, bem como em seu trabalho como professor. Em seguida, deixamos a entrevista que fizemos, na qual ele compartilha sua experiência e oferece alguns conselhos.


Ricardo Castro, professor da IEBS. Foto: arquivo pessoal.

Conte-nos um pouco sobre como foi sua experiência como professor na IEBS

Enquanto professor na IEBS foi uma experiência inovadora e desafiante. Já tinha desenvolvido trabalho como docente utilizando sistemas de e-learning bem como b-learning, mas o nível de exigência de toda a equipa da IEBS com a qualidade dos materiais desenvolvidos foi um desafio. Outro desafio enorme foi o facto de o background dos alunos ser bastante diversificado e de não ter um feedback imediato durante a exposição dos conteúdos programáticos.

No entanto, toda a equipa IEBS, ajudou-me a ultrapassar da melhor forma possível estes desafios trabalhando em conjunto com vista obter o melhor resultado de forma a que aulas se tornassem o mais apelativas possíveis para os alunos, sabendo que este é um processo de melhoria contínua e certamente haverá pontos que poderão ser melhorados.

No seu módulo, você explica um caso de experiência real que você realizou em sua carreira profissional, que benefícios isso pode trazer para o aluno?

Trazer exemplos reais para o contexto educativo tem a vantagem de prender o aluno ao tema, pois estamos a falar de situações reais e concretas em que os alunos podem fazer um paralelismo com situações já vivenciadas e com as quais se identificam ou visualizar situações com que podem vir a deparar-se no futuro.

Do ponto de vista de um professor, como você organiza suas aulas e o que você acha que é a coisa mais importante ao criar e orientar o conteúdo?

No meu ponto de vista o foco da aula deve ser o aluno, e como tal, ir conforme suas necessidades e realidade. Permitir que o aluno se identifique com os temas, e desta forma a transferência de conhecimento será mais efetiva e significativa. Além disso, devemos tentar o máximo de participação e interação por parte do aluno. Permite-nos verificar se a mobilização de conhecimento está a ser efetiva, mas acima de tudo permite que haja partilha de conhecimento entre todos, professor-aluno, aluno-aluno mas também aluno-professor.

Acima de tudo é importante orientar o nosso trabalho de forma a tentar que os alunos consigam transformar os conteúdos que estamos a expor em ferramentas que possam utilizar na sua vida tanto na atualidade como no futuro.

Paulo Freire, educador e filósofo brasileiro, dizia que “Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção.

Por último, gostaria de deixar um recado?

A minha sugestão para todos, independentemente onde se encontram a nível pessoal, educativo ou profissional atualmente, é que façam uma aposta contínua na sua formação e na sua evolução, seja a nível profissional mas também a nível pessoal, pois só assim nos tornaremos melhores no que tentamos fazer.  

E nada melhor que deixar aqui mais uma citação de alguém em que a sua genialidade é incontestável na área em que se destacou. Beethoven disse uma frase que me vai acompanhando ao longo da minha vida pessoal e que tento colocar em prática:

Nada é suficientemente bom. Então vamos fazer o que é certo, dedicar o melhor de nossos esforços para atingir o inatingível, desenvolver ao máximo os dons que Deus nos concedeu, e nunca parar de aprender.

MBA em Digital Business

Esteja preparado para as novas oportunidades que as mudanças têm trazido

Tenho interesse!

Compartilhe e comente este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...

IEBS NAS REDES

PRÓXIMOS EVENTOS

BUSCAR NO BLOG