Redes Sociais

Tendências, novidades, notícias e dicas do mundo do Redes Sociais

Redes Sociais

10 ago 2019
Seja o primeiro em comentar

4 estratégias eficazes para conseguir um emprego no LinkedIn

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Média: 5,00 de 5)
Loading...

Sempre foi dito (e é completamente certo) que a busca por emprego é um trabalho em si. O objetivo final é encontrar trabalho, é claro, mas os caminhos para alcançá-lo variam com o tempo. Hoje o Linkedin oferece muitas maneiras de encontrar trabalho, mas sabemos como aproveitá-las? Descubra neste post 4 estratégias simples para conseguir um emprego no Linkedin!

Você também pode estar interessado: 20 dicas para criar o perfil ideal no LinkedIn

Encontrar um emprego no Linkedin, realidade ou lenda urbana?

Eu opto pela primeira opção. E conheço casos e exemplos que servirão como introdução às estratégias de trabalho. É verdade que existem maneiras mais diretas e indiretas de encontrar um emprego no Linkedin, mas todas elas requerem estratégias e técnicas apropriadas para funcionar com sucesso.

Antes de começar, vamos ver alguns dados:

  • Mais de 560 milhões de pessoas têm uma conta no LinkedIn,
  • dos quais 39 milhões são estudantes ou recém-formados
  • 40% deles se conectam diariamente
  • Disponível em 20 idiomas
  • É usado por pessoas em mais de 200 países no mundo
  • Se você postar conteúdo de longo prazo, poderá ter até 1.050 conexões
  • Mais de 4 milhões de empresas têm uma página da empresa.
  • Entre 85% e 98% dos funcionários contratados usam o LinkedIn para encontrar candidatos

1. Estratégia mais rápida para procurar emprego

Proponho procurar emprego com as opções mais conhecidas do LinkedIn e ajustar sua candidatura para as ofertas de emprego publicadas. É a opção mais rápida que veremos. Seja, desde procurar as melhores ofertas para nosso perfil até conhecer os aspectos que os headhunters valorizam ou até mesmo levar em consideração as questões necessárias ao preparar uma boa entrevista ou carta de apresentação com dados oferecidos pelo LinkedIn. Tudo é pouco quando se trata de estar melhor posicionado nas ofertas de emprego publicadas no LinkedIn.

2. Estratégia de maior esforço

Outra boa estratégia é trabalhar no potencial que o LinkedIn nos oferece e que temos muito à mão: nossa rede de contatos, ou o tão conhecido como networking. O que significa ter uma rede de 200, 500, 3000 contatos se não usarmos seu potencial?

Podemos expressar o valor de nossa rede de contatos por meio de mensagens ou apresentações bem estruturadas e sempre profissionais. Neste ponto é muito importante evitar ser intrusivo ou fazer spam. Da mesma forma, temos ferramentas de automação como o LinkedHelper quando queremos fazer um gerenciamento de amplo alcance sem gastar tanto tempo e energia. É uma estratégia de esforço no Linkedin, mas que dá resultados.

3. Estratégia do caçador

Talvez seus objetivos sejam muito claros. Se você está interessado apenas em um tipo de trabalho, em certas empresas, com certas condições, você precisa caçar sua oportunidade. Para isso, temos que saber como fazer pesquisas apropriadas com as opções básica e Premium.

Devemos também usar ferramentas como Crystalknows que nos permitam conhecer informações de interesse da personalidade de nossos contatos. Somos caçadores profissionais e temos conhecer bem nossa caça…

4. Estratégia Premium

É a mais completa e provavelmente a maior parte do tempo que você precisa dedicar. Mas dará frutos mais do que interessantes, porque nessa estratégia nós adicionamos esforços para gerenciar nossa rede de contatos sabendo o que, como e quando compartilhar e publicar informações no LinkedIn.

Não se trata apenas de procurar pessoas, mas de conhecer o público criando conteúdo de interesse. Porque não só podemos ser bons, mas também podemos provar isso na maior rede profissional. Buscar emprego e trabalhar uma boa marca pessoal podem ser aspectos complementares, não incompatíveis.

É importante também saber como está sua reputação na rede. Para isso, o próprio LinkedIn oferece uma ferramenta gratuita que mostra sua pontuação SSI, o Social Selling Index e que você pode conferir a sua agora mesmo neste link.

Riscos a serem evitados

Todas essas estratégias anteriores do Linkedin têm riscos que teremos que evitar se quisermos trabalhá-las com sucesso:

  • não cair em erros básicos ao configurar nosso perfil
  • evitar a infoxication
  • focar nosso discurso nos ajudará em nossas estratégias
  • não confundir o LinkedIn, uma rede social profissional, com outras redes mais pessoais como Facebook ou Instagram.

Os especialistas em Marketing são perfis cada vez mais procurados no mercado. Você quer uma formação para dar um salto em sua carreira? Então confira nossa Pós-graduação em Marketing Digital e Social Media. O que você está esperando?

Pós-graduação em Marketing Digital e Social Media

Dê o grande salto em sua carreira como um especialista em Marketing Digital e Social Media

Quero conhecer!

Compartilhe e comente este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...

IEBS NAS REDES

PRÓXIMOS EVENTOS

BUSCAR NO BLOG