SEO/SEM

Tendências, novidades, notícias e dicas do mundo do SEO/SEM

SEO/SEM

25 jan 2020
Seja o primeiro em comentar

Posicionamento SEO nas buscas por voz

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (ainda sem avaliações)
Loading...

Em aplicativos de pesquisa de voz, as estratégias de SEO não estarão baseadas em posicionar algumas palavras-chave, mas especificamente em resolver questões e dúvidas dos usuários.

Esses dispositivos de voz tornam a vida mais fácil do que nunca para as pessoas e permitem gerenciar aplicativos e procurar informações com facilidade e acessibilidade. Somente com a nossa voz podemos ativar a música, acionar um alarme na próxima quarta-feira, desconectar o Wi-Fi, encontrar o caminho para o restaurante mais próximo ou perguntar que horas são em Tóquio.

Índice do conteúdo:

 1. Otimize o SEO nas pesquisas por voz


Em 1990, começou a era dos mecanismos de pesquisa e da engenharia de pesquisa por parte das empresas para conseguir que seu conteúdo fosse o primeiro nos resultados. Tanto as empresas (quais termos posicionar, quais palavras ou conteúdo incidir mais) quanto os usuários (que precisavam aprender a pesquisar na Web) têm avançado e progredido no uso de palavras-chave, mas com a busca por voz, o posicionamento muda completamente.

Agora, qualquer empresa que queira ter sucesso na pesquisa por voz deve priorizar as palavras mais naturais, a maneira como as pessoas falam e fazem suas perguntas. As empresas devem estar cientes desses requisitos ao posicionar seu conteúdo e os usuários estão procurando por eles para conseguir o que desejam intuitivamente, como se estivessem perguntando a um amigo.

Portanto, lembre-se de que as pesquisas por voz serão mais longas, ninguém pergunta a outra pessoa «restaurante sushi lisboa», mas diz: Qual é o melhor restaurante de sushi em Lisboa?

O que muda no nível do SEO ao fazer uma estratégia de pesquisa por voz?


As palavras-chave de cauda longa devem ter destaque, ou seja, termos com baixo potencial de tráfego, mas com baixa concorrência são mais fáceis de posicionar e priorizam as construções orais naturais das frases, ou seja, pense em como as pessoas falam naturalmente e o que costumam dizer quando procuram um assunto.

1.1 O conceito de palavras-chave conversacionais


Uma empresa que deseja se posicionar para pesquisas por voz pode executar um truque simples para economizar muito tempo ao pensar nas palavras-chave que você usará. O que os clientes me pedem por telefone? O que os clientes me perguntam por telefone ou quando entram em minha loja?

Assim que você tenha escrito essas “perguntas frequentes” em nível conversacional, você pode inclusive criar uma subpágina de FAQ com as respostas para essas perguntas mais comuns. Você então pode ir para a próxima etapa: crie conteúdo que responda a essas perguntas, que esteja relacionado ou vincule seus produtos a essas palavras-chave de conversação.

1.2 A importância dos dados estruturados


Os mecanismos de pesquisa, ao conectar expressões e pesquisas por voz com resultados e conteúdo, precisam puxar dados estruturados para posicionar páginas ou empresas antes ou depois. Os robôs usam as anotações e os rótulos dos dados estruturados em cada página para classificar a lista de resultados com certo sentido. Os dados estruturados permitem a busca semântica e a possibilidade de interconectar diferentes resultados, locais, páginas e itens para oferecer o melhor resultado possível.

2. Siri vs Cortana vs Google Now


Não é mais estranho ouvir falar de um Siri ou Cortana; não são nomes de pessoas, mas os nomes de assistentes de pesquisa por voz (e outros serviços e ferramentas) mais famosos no mercado digital.

Siri, assistente pessoal do iOS, e Cortana, assistente da Microsoft, são as duas tecnologias que revolucionaram a pesquisa por voz. Eles ingressaram recentemente no serviço Google Now, que até o momento não recebeu um “nome próprio”. Entre esses três serviços, realizam 20% das pesquisas realizadas hoje por meio de celulares.

Chamadas e e-mails


Siri e Cortana aceitam comandos de voz para fazer chamadas e até mesmo ditados mais complexos. O Siri também permite comandos como “enviar email” ou “redigir email” para criar um email. A Cortana não os cria usando esses termos, mas possui um comando que lê e-mails diariamente. Por outro lado, o Google Voice não permite e-mails ou chamadas.

Outro aspecto a ser aprimorado da Microsoft é o uso de sinais de pontuação e a identificação deles ao falar. Cortana literalmente escreve os sinais e não adiciona os símbolos. A Siri permite dizer o comando do sinal de pontuação para adicioná-lo.

Alarmes, calendário e compromissos


Nesse caso, os três assistentes de voz trabalham com eficácia. Os comandos mais comuns são geralmente «Alarme às 6:00 da manhã» ou alarmes por períodos de tempo como «Acorde em 30 minutos». Cortana e Siri também permitem cancelar o alarme com um comando de voz.

Para adicionar um compromisso ao calendário, os três permitem que eles sejam incluídos com um comando de voz; no entanto, se você precisar excluir essa tarefa ou registro, precisará fazê-lo manualmente, exceto no Siri, que se você puder executar comandos para cancelá-lo individualmente.

Os três também permitem adicionar lembretes com assuntos específicos. A Siri não precisa que você especifique uma hora e pode lembrá-lo ao longo do dia ou da primeira vez. Em vez disso, a Cortana e o Google Now exigem uma data específica.

Lidar com aplicativos


Todos os três permitem que você expresse comandos para abrir e usar aplicativos; no entanto, apenas Cortana e Siri permitem manipular as definições de configuração do sistema «Ativar WiFi» «Desativar dados».

Números, fatos ou informações relevantes


Quando conectado aos mecanismos de pesquisa, você pode fazer qualquer pergunta que te respondem com os dados exatos ou te mostrarão o link mais apropriado para você procurar as informações.

Outras funções


O Google Now e o Cortana permitem, dentro da reprodução de uma música, utilizar um comando para identificar e descobrir qual melodia está tocando usando outros aplicativos, como por exemplo, «Shazam».

Os três assistentes funcionam perfeitamente quando se trata de responder perguntas sobre o mapa, possíveis direções para um destino ou a rota exata.

Números, fatos ou informações relevantes


Recentemente, fomos surpreendidos com a união entre duas grandes empresas, Amazon e Microsoft, em termos de seus sistemas de busca. Cortana e Alexa se unem. A partir do final do ano, o Alexa pode ser acessado através da Cortana em computadores com o Windows 10 instalado e, posteriormente, o mesmo acontecerá no Android e iOS.


Agora que você já conhece um pouco mais sobre a importância do contexto do SEO, pode estar interessado na Pós-graduação em Analítica Web da IEBS, onde aprenderá a utilizar o SEO em uma estratégia digital.

Pós-graduação em Analítica Web

Aprenda a analisar dados e utilizar o SEO em estratégias digitais.

Tenho interesse!

Compartilhe e comente este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...

IEBS NAS REDES

PRÓXIMOS EVENTOS

BUSCAR NO BLOG