Comércio e Vendas

Tendências, novidades, notícias e dicas do mundo do Comércio e Vendas

Comércio e Vendas

15 dez 2019
1 comentarios

10 dicas para evitar carrinhos de compras abandonados

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (ainda sem avaliações)
Loading...

Segundo dados próprios, o percentual de abandono atual está entre 95% e 98%, dependendo do setor ao qual a empresa pertence. E, desde que o comércio eletrônico começou sua jornada, os carrinhos de compras abandonados continuam sendo um dos principais desafios a serem enfrentados e superados. Então, o que podemos fazer para mudar o futuro de nossas lojas online?

Neste artigo, oferecemos as ferramentas necessárias para otimizar a porcentagem de abandono e reduzi-la ao máximo. Mas primeiro aterraremos o conceito de abandono.

O que exatamente é o abandono em um eCommerce?


O abandono ocorre quando um usuário on-line coloca itens no carrinho de compras, mas sai do site, deixando o carrinho antes de finalizar a compra.

Para calcular a taxa de abandono de nosso comércio on-line, basta dividir o número total de transações concluídas com sucesso pelo número total de operações iniciadas. Esses dados correspondem à porcentagem de compradores on-line que tentaram adicionar itens aos seus respectivos carrinhos e fazer a compra, mas não concluíram o pagamento.

10 dicas para reduzir carrinhos de compras abandonados


Observe as 10 dicas que oferecemos para reduzir a taxa de abandono e aumentar as vendas: 

#1 Indicador de Progresso

Certamente você conhece a sensação de estar em uma loja on-line e te pedem até o signo do zodíaco antes de fazer a compra. Todas essas demandas sem sentido prolongam o processo de pagamento e devem ser evitadas em qualquer experiência on-line. Uma das melhores maneiras de fazer isso é colocar um indicador de progresso em todas as páginas do funil de vendas.

Ao mostrar claramente aos clientes onde eles estão no processo de compra, estamos eliminando a preocupação de que nossa compra seja estendida ao infinito. Além disso, dá aos usuários a sensação de que o processo está prestes a terminar, ajudando a suprimir a ambiguidade e tornando o desenvolvimento claro e fácil de entender.

O indicador de progresso deve ter o menor número de etapas possível. Como em qualquer outro elemento, vale a pena fazer variações com o teste A/B, antes de tomar qualquer decisão.

#2 Call to Action

Muitos sites não incluem CTAs em suas páginas de pagamento. A “lógica” por trás disso parece estar no pressuposto de que, se um cliente adicionar um item ao carrinho de compras, ele não precisará mais de nenhum incentivo para comprá-lo. Nada está mais longe da realidade. As páginas de pagamento são perfeitas para a colocação de CTAs fortes e claros que suportam a decisão de concluir a compra.

Um CTA deve incluir uma mensagem consistente com o restante dos materiais e copys do nosso website. Lembre-se de que o objetivo de tudo isso é oferecer uma experiência perfeita e contínua, desde a descoberta do produto até sua compra. A idéia é fugir de palavras e verbos ambíguos como “Continuar” e usar o mais ativo e imperativo.

#3 Miniaturas e estoque

Quando compramos algo em uma loja física, podemos ver e tocar no item. Este não é o caso do comércio eletrônico. Ao incluir imagens em miniatura dos produtos no carrinho do cliente, não apenas os ajudamos a lembrar o que estão comprando, mas também eliminamos possíveis distrações.

Por outro lado, também é aconselhável informar os clientes sobre a disponibilidade dos itens antes de passar para a página de pagamento. Para evitar frustrações com problemas de estoque, é melhor incluir a quantidade de inventário na página do produto.

#4 Opiniões

Em caso de dúvida sobre a compra ou não de um produto, o que geralmente fazemos? Pergunte a outras pessoas que o usaram. No ambiente digital, isso se traduz em opiniões de usuários que já compraram e gostaram deste artigo. O simples fato de ativar comentários na página do produto pode fazer a diferença que inclina o saldo para a compra.

#5 Usabilidade e experiência do usuário

Os consumidores raramente decidem comprar algo, encontrá-lo rapidamente e comprá-lo em uma experiência simples e única. Pelo contrário, as compras on-line são geralmente indiretas, ineficientes e não muito lineares. Quanto mais fácil for a movimentação dos usuários pelo carrinho e pela loja, maior a probabilidade de acabarmos comprando.

Entre outras dicas de usabilidade, reunimos as seguintes: conteúdo claro e breve, design adaptado à imagem da nossa marca, cores vivas e consistentes, imagens de qualidade que transmitem confiança, gateway de pagamento rápido, tempos de carregamento reduzidos, agrupamento de produtos em categorias , uso de filtros, oferecer a possibilidade de acesso sem registro, preços transparentes etc.

#6 Esclarecimento de custos

Existem poucas coisas mais irritantes do que tentar comprar um produto on-line na esperança de pagar um preço e depois descobrir que ele oculta custos , taxas ou sobretaxas. Os mais detestados, associados ao comércio eletrônico, são os custos de remessa, tanto que é um dos principais motivos dos carrinhos de compras abandonados. É essencial ser transparente a esse respeito e informar, sem medo, se o artigo selecionado tem algum custo adicional.

Idealmente, ofereça frete grátis ou faça isso a partir de um determinado preço de compra. Também é aconselhável alertar sobre estimativas de entrega, pois a incerteza e a sensação de espera podem ser muito negativas para o usuário e acabar tendo uma experiência ruim.

#7 Crosselling

Essa técnica, que consiste em oferecer produtos complementares aos quais o usuário está consultando, é uma maneira ideal de aumentar o preço do carrinho de compras e manter o usuário em sessão, evitando o abandono. Por exemplo, se o usuário estiver assistindo a um console de videogame, poderíamos oferecer controles secundários, jogos que possam interessá-lo, gadgets adicionais etc.

#8 Vários métodos de pagamento

Ao projetar as páginas de pagamento de nosso comércio eletrônico, é normal que não desejemos que haja algo entre nossos clientes e suas compras. No entanto, se oferecermos um método de pagamento único, estamos colocando obstáculos desnecessários à experiência de comprá-los.

Existem algumas formas de pagamento óbvias, como um cartão de crédito, mas hoje os consumidores têm mais opções do que nunca: PayPal, cartão de débito, cashback, transferência bancária, Apple Pay, Google Wallet etc. Embora seja verdade que, quanto mais métodos oferecermos, mais esforços teremos que fazer, isso compensa bastante para evitar possível abandono.

#9 Segurança e garantias

No eCommerce, os usuários são obrigados a fornecer algumas de suas informações pessoais, como endereço de entrega ou detalhes do cartão de crédito durante o pagamento. Para que isso não seja um problema, devem sentir confiança e segurança em nosso site, para o qual devemos mostrar-lhes selos de confiança e garantias.

#10 Retargeting

Nosso melhor conselho para combater o abandono é aceitar que alguns clientes inevitavelmente acabarão abandonando seus carrinhos de compras. No entanto, a técnica de remarketing representa uma segunda oportunidade de interagir com o cliente e fazê-lo acabar comprando.

O comércio eletrônico cresce em grande velocidade. As empresas já detectaram os benefícios de entrar no mercado on-line, com o qual podem alcançar mais clientes e oferecer valor agregado aos seus serviços.

Se você deseja uma formação no marketing digital e comércio eletrônico para aprender a controlar todo o processo de compra, desde quando o usuário visita seu site até a chegada do pedido em casa, a IEBS oferece a você o MBA em Marketing Digital, com o qual você dominará as áreas de conhecimento necessárias para alcançar uma visão transversal do comércio eletrônico.

MBA em Marketing Digital

Domine as áreas de conhecimento necessárias para alcançar uma visão transversal do comércio eletrônico.

Tenho interesse!

Compartilhe e comente este post!

One thought on “10 dicas para evitar carrinhos de compras abandonados”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...

IEBS NAS REDES

PRÓXIMOS EVENTOS

BUSCAR NO BLOG