Publicidade on-line

Tendências, novidades, notícias e dicas do mundo do Publicidade on-line

Publicidade on-line

18 maio 2021
Seja o primeiro em comentar

Guia completo: o significado das cores de marketing

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Média: 5,00 de 5)
Loading...

No século 17, Sir Isaac Newton identificou seis tons de comprimento de onda ao observar a luz do sol passando por um prisma de vidro. Mais recentemente, o psiquiatra suíço Carl Jung chamou a cor de “a língua materna do subconsciente”, cujos estudos psicológicos o levaram a desenvolver a arte-terapia. Hoje, a psicologia das cores é usada para interagir com as emoções dos usuários. Neste post vamos falar sobre o significado das cores no marketing, continue lendo!

Também pode lhe interessar: MBA em Marketing Digital

O que é a psicologia da cor?

Para compreender totalmente o significado das cores no Marketing, você deve saber que a psicologia das cores é o estudo de como as cores afetam as percepções e os comportamentos.

Em Marketing e Branding, a psicologia das cores se concentra em como as cores impactam as impressões do consumidor sobre uma marca e se elas persuadem ou não os consumidores a considerar marcas específicas ou fazer uma compra.

É um importante campo de estudo a ser considerado ao criar ativos de marketing, construir um novo negócio ou mudar um existente.

Em um estudo intitulado “Impacto da cor no marketing“, os pesquisadores descobriram que até 90% dos julgamentos mais rápidos feitos sobre os produtos podem ser baseados exclusivamente na cor.

Como o significado das cores de marketing influencia as pessoas?

significado da cor em Marketing e a psicologia das cores podem afetar fortemente o comportamento e a tomada de decisões das pessoas.

As pessoas fazem julgamentos subconscientes sobre uma pessoa, ambiente ou produto em poucos segundos ou minutos. E a cor desempenha nesta impressão inicial.

Esse fato não passa despercebido por marcas e anunciantes. Eles sabem que certas cores, matizes e matizes evocam emoções e levam as pessoas à ação.

Por meio da escolha da cor em logotipos, embalagens, sinalização e publicidade, as marcas podem influenciar os consumidores a comprar por impulso ou escolher seu produto ou serviço em vez da concorrência.

Pense em suas marcas favoritas e como certas cores predominam. Seus logotipos são vermelhos como Target ou Netflix? Ou você gosta de cores preto e branco como a Nike? Talvez você prefira amarelo e se sinta atraído pela Best Buy ou Subway.

Como escolher a cor para sua marca

Não há diretrizes claras para escolher as cores corretas para sua marca. Embora seria bom apenas olhar um infográfico e tomar a decisão certa, a realidade é que não há uma resposta exata sobre como escolher a melhor cor para sua marca ou logotipo.

O que importa é o sentimento, o clima e a imagem que você cria com a marca ou produto. A boa notícia é que a pesquisa em psicologia das cores pode lhe ajudár a fazer a escolha certa.

A cor correta é a que melhor representa a marca

A cor corresponde ao que está sendo vendido?

Quando se trata de escolher a cor “certa”, pesquisas descobriram que prever a reação do consumidor à adequação da cor é muito mais importante do que a cor individual em si.

Por isso, na hora de escolher as cores da sua marca, pergunte-se se essa cor é adequada para o que você está vendendo, pois a cor correta será aquela que mostra a personalidade da sua marca.

intenção de compra é muito afetada pelas cores devido ao seu efeito na percepção da marca; as cores influenciam a maneira como os clientes veem a “personalidade” da marca em questão.

E enquanto certas cores se alinham amplamente com traços específicos (por exemplo, marrom com aspereza), quase todos os estudos acadêmicos sobre cores e branding dizem que é muito mais importante que as cores apoiem a personalidade que você deseja retratar em vez de tentar associações de cores.

Às vezes, as marcas podem se cruzar entre duas características, mas são geralmente dominadas por uma.

Pergunte-se: o que quero que seja a personalidade da minha marca e como posso usar as cores para transmitir essa personalidade?

A cor certa é aquela que atrai o público

O ambiente de cada um, e especialmente a percepção cultural, desempenha um papel importante em ditar a adequação da cor ao gênero, o que, por sua vez, pode influenciar as preferências individuais de cor.

Há pesquisas sobre percepção de cores que mostram que quando se trata de tons, matizes e matizes, os homens geralmente preferem cores chamativas, enquanto as mulheres preferem cores mais suaves.

Além disso, os homens são mais propensos a selecionar tons de cores como favoritos (cores com adição de preto), enquanto as mulheres são mais receptivas às matizes das cores (cores com adição de branco).

Claro, as marcas podem trabalhar fora dos estereótipos de gênero. Na verdade, muitos foram recompensados ​​por isso, pois quebraram as expectativas.

A cor correta é aquela que diferencia sua marca

Nossos cérebros preferem marcas instantaneamente reconhecíveis, o que torna a cor um elemento importante na criação de uma identidade de marca.

Escolher a cor certa pode ajudar sua marca a se destacar. Um exemplo disso é o princípio psicológico conhecido como efeito de isolamento, que afirma que um elemento que se destaca dos demais é mais provável de ser lembrado.

Em termos de coordenação de cores, isso significa criar uma estrutura visual que consiste em cores de base análogas e contrastá-las com cores complementares (ou terciárias).

Guia Completo: The Meaning of Marketing de Cores - rI7pJSpqbDcrDuDp29tDbnVq QOj7 EHcgdaDM0j68tR gx2kmnEEQl8iLv7UF2C9sSJLO3LxBhDvuYYGItcoRSgeupJTd87ru4OQ9mgLuRZtnmgTd87ru4OQ4OQ4LUZtnmg GWTd87ru4OQ9

Porque és importante? A compreensão desses princípios ajudará a otimizar a taxa de conversão por meio do uso de cores em elementos como os CTAs.

Imagine uma landing page que mudou a cor de seu CTA de branco para vermelho e isso gerou conversões em 21%. No entanto, não podemos fazer suposições precipitadas sobre “o poder da cor vermelha” isoladamente.

A cor correta tem o nome correto

Embora cores diferentes possam ser percebidas de maneiras diferentes, os nomes descritivos dessas cores também são importantes.

Por exemplo, estudos descobriram que “mocha” era significativamente mais agradável do que “marrom”, embora a mesma cor fosse apresentada aos participantes do estudo.

Significado das cores no marketing

Psicologia da cor vermelha

A cor vermelha cria uma sensação de urgência e é perfeita para liquidações. Também estimula o apetite. Portanto, é frequentemente usada por redes de fast food.

O vermelho estimula fisicamente o corpo, elevando a pressão arterial e os batimentos cardíacos. Está associado a movimento, emoção e paixão. Faz as pessoas agirem e é importante para botões de CTA, por exemplo, em um website.

Vermelho em marketing: os exemplos da McDonald’s e Target

Guia completo: O significado das cores de marketing - Psicologia das cores 1024x555

McDonald’s opta pela cor vermelha brilhante (combinada com o amarelo), que atrai as crianças, abre o apetite e cria um senso de urgência.

A Target, por sua vez, fornece outro exemplo do uso da cor. Seu logotipo, um dos símbolos mais reconhecidos na América do Norte, chama a atenção dos clientes. Crie a ideia de empolgação ao comprar lá e a urgência de comprar os grandes negócios da marca.

Psicologia da cor verde

Esta cor está associada a saúde, tranquilidade, poder e natureza. É usada em lojas para relaxar os clientes e promover as preocupações ambientais. Estimula a harmonia no cérebro e promove um equilíbrio que leva à decisão.

Verde em marketing: o exemplo da Starbucks

Guia completo: O significado das cores de marketing - significado da cor no marketing 1024x518

Starbucks é uma grande marca global que usa esse esquema de cores. O verde mostra que a Starbucks espera promover uma sensação de relaxamento em seus cafés, convidando os clientes para um café durante um dia estressante.

Psicologia da cor roxa

Essa cor é comumente associada à realeza, sabedoria e respeito na psicologia das cores. Estimula a resolução de problemas e a criatividade. Também é visto na promoção de produtos de beleza e anti-envelhecimento.

Roxo em marketing: exemplos Hallmark, Yahoo e Craigslist

Guia completo: O significado das cores de marketing - significado das cores em marketing 1

Visto que a cor está associada à realeza e à sabedoria, não deve ser surpresa que o logotipo da Hallmark seja representado por uma coroa.

Algumas outras marcas peculiares também estão associadas a esse esquema de cores. Temos os exemplos do Yahoo! e Craigslist, duas marcas conhecidas com nomes e abordagens criativas.

Pense no logotipo do seu salão de beleza ou spa favorito. Seu logotipo ou sinal provavelmente incluirá uma boa variação de cor, como lilás, roxo ou fúcsia.

Psicologia da cor azul

Seu significado está associado a paz, água, tranquilidade e confiabilidade. Oferece uma sensação de segurança, reduz o apetite e estimula a produtividade. É também a cor mais comum usada por marcas conservadoras que buscam promover a confiança em seus produtos.

Azul em marketing: os exemplos da Honda e da American Express

Guia completo: O significado do marketing de cores - psicologia do marketing de cores 1024x488

A marca Honda tem tudo a ver com confiabilidade. A American Express usa a cor azul para transmitir sentimentos de segurança e estabilidade. Esses são dois dos aspectos mais importantes de confiar seu dinheiro a uma empresa.

O azul é usado para logotipos de mídia social mais do que qualquer outra cor. Esta cor foi comprovada como a cor da inteligência, da comunicação e da confiança. É também a cor mais associada à comunicação.

Psicologia das cores laranja e amarelo

Essas duas cores são alegres e promovem o otimismo. No entanto, é preciso cuidado ao usá-las na publicidade. O amarelo pode fazer os bebês chorarem, enquanto o laranja pode provocar um senso de cautela.

Ao mesmo tempo, esse desconforto pode ser usado para criar uma sensação de ansiedade que pode atrair compradores e compradores impulsivos.

Laranja e amarelo em marketing: os exemplos da Harley Davidson e do Snapchat

Guia completo: O significado das cores de marketing - cores na psicologia de marketing 1024x601

Harley Davidson usa laranja para comunicar aventura, emoção e vitalidade. Essas são as coisas fundamentais que todo motociclista procura.

O logotipo do Snapchat é amarelo, uma ruptura com o tema azul usual da mídia social. O amarelo atrai o público jovem com ideias de alegria, entusiasmo e criatividade.

Psicologia da cor preta

Embora tecnicamente não seja uma cor (é a ausência de cor porque absorve luz), pensamos no preto como um tom.

Está associado a autoridade, poder, estabilidade, confiança e força. Muitas vezes, um símbolo de inteligência, que pode ser esmagador se usado com muita frequência.

Preto é difícil de usar em marketing, mas algumas marcas tiveram sucesso, como Nike ou Chanel.

Black in Marketing: os exemplos da Nike e Chanel

Guia completo: O significado do marketing de cores - psicologia das cores 1024x408

O logotipo da Nike, uma combinação de preto e branco, evoca potência, força e estabilidade. Chanel usa preto para transmitir luxo, elegância, sofisticação, atemporalidade e talvez um toque de mistério. Essas são precisamente as qualidades que Coco Chanel criou para incorporar sua marca.

Psicologia da cor cinza

O cinza simboliza sentimentos de velhice e solidariedade. No entanto, muito cinza pode levar à sensação de vazio e depressão. Cinza pode ser pouco inspirador se usado com muita freqüência.

Cinza em marketing: exemplos Lexus e Apple

Guia completo: O significado das cores de marketing - Apple Colors in Marketing 1024x479

O uso de cinza claro pela Lexus sugere luxo e elegância de ponta equilibrada com estabilidade. Também representa a maturidade de quem o alcançou na vida.

Embora o logotipo da Apple seja literalmente um arco-íris de cores, ele também usa uma maçã totalmente cinza em sua marca. Portanto, embora seja inovador e empolgante, a Apple também é instigante. Ele tem uma abordagem limpa para o avanço dos produtos do futuro e de hoje.

Psicologia da cor branca

O branco está associado a sentimentos de limpeza, pureza e segurança.

Pode ser usado para projetar a ausência de cor ou neutralidade. O espaço em branco ajuda a despertar a criatividade, pois pode ser percebido como uma lousa limpa e inalterada.

Pode não ser a melhor cor para todas as empresas, mas usar o branco no marketing pode ser eficaz para uma marca com uma abordagem minimalista.

Branco em marketing: o exemplo da Lego

Guia completo: O significado das cores de marketing - Cores no significado de marketing

A marca Lego apresenta literalmente o nome da empresa em branco sobre fundo vermelho. Isso representa a diversão e a empolgação que as crianças sentem ao brincar com um produto que oferece oportunidades infinitas de construir e criar qualquer coisa que a mente possa imaginar.

Como usar cores nos negócios

Agora que você é um pouco mais especialista em psicologia e no significado das cores no marketing, como podemos usar as cores nos negócios? Em essência, a cor reflete a personalidade da marca. Aqui, explicamos passo a passo como usar o significado das cores no marketing:

Decida as cores que melhor representam a imagem da sua marca

Na teoria da cor, o vermelho é a cor do poder. Rosa é ótimo para atingir o público feminino, mas geralmente não é ideal se você quiser ser neutro em relação ao gênero.

Verde é caloroso, acolhedor e denota saúde, respeito ao meio ambiente e boa vontade. (Também é a cor do dinheiro, por isso cria pensamentos de riqueza.) Roxo é a cor da realeza e adiciona um toque de elegância e prestígio. Laranja é energia. Marrom é relaxante.

escolha das cores e as emoções que provocam deve ser a primeira preocupação na hora de criar uma marca. Uma escolha ruim de cor pode afetar negativamente, então pense bem antes de tomar uma decisão sobre imagens de marca com as quais você terá que conviver por muito tempo.

Escolha duas cores principais

Ao escolher a cor de sua marca, recomendamos manter duas cores principais (não incluindo preto ou cinza escuro, que você pode usar para texto). A razão? Seus clientes acharão mais fácil lembrar duas cores do que três, quatro ou cinco.

Essa ideia é particularmente importante ao projetar um logotipo. Pense na combinação de cores das principais marcas que falamos anteriormente. Starbucks, McDonald’s e Lego limitam seus logotipos a duas cores e constroem todo o seu léxico de cores em torno deles.

Depois de decidir sobre a cor, veja como implementar cores em vários canais de marketing e publicidade.

WEBSITE

As cores do website devem corresponder ao logotipo. Mas isso não significa que você deva manter uma aderência estrita a essas cores, apenas que elas servem de base.

Obviamente, a escolha da cor não se limita a um logotipo, mas também se aplica aos produtos ou serviços que você oferece.

Se você vende tapetes infláveis, a teoria básica da cor sugere que você deseja cores vibrantes, como vermelhos, verdes e amarelos. Se, ao contrário, for uma empresa profissional e séria, usará tons e matizes mais suaves, talvez azul e cinza.

Também depende do público-alvo. As mulheres preferem azul, roxo e verde, enquanto os homens preferem azul, verde e preto.

Botões CTA

Você provavelmente usa botões de frase de chamariz em seu site como uma forma de gerar conversões (ou seja, leads e vendas), mas quais cores são as melhores?

As que mais conversam são as cores primárias e secundárias brilhantes: vermelho, verde, laranja e amarelo. Os vermelhos chamam a atenção. O amarelo é comumente associado a avisos. Verde é o melhor para produtos ambientais e ao ar livre. O azul às vezes também é usado, pois denota confiabilidade. As piores cores são preto (escuro e negativo), branco (sem cor) e marrom (opaco e feio).

Nosso melhor conselho é experimentar cores diferentes e ver qual delas resulta em mais conversões.

SINALIZAÇÃO

A mesma teoria de cores que se aplica a logotipos e sites também funciona para sinalização. A diferença é que, com os signos, você está competindo por atenção.

Portanto, uma boa opção é usar cores que “se destaquem na multidão”, como o vermelho e o laranja, pelo menos por fora.

Imagens de capa das redes sociais

Outra dica sobre a teoria da cor em marketing e publicidade é a imagem da capa do perfil de rede social. E é muito simples. Use as cores da sua marca, pois isso reforça a imagem.

Isso não significa que você precise se limitar apenas às duas cores primárias. Você pode usar tintas, sombras e tons para variar a intensidade, mas de forma complementar.

Cores primárias, secundárias e terciárias

Uma roda de cores é a melhor ferramenta para entender as cores. A forma mais básica ilustra as cores primárias, secundárias e terciárias e como elas funcionam entre si para criar paletas de cores usadas em arte, decoração e marketing.

As cores primárias são as três cores básicas a partir das quais todas as cores são criadas e as cores secundárias são as três cores criadas pela mistura de partes iguais de duas cores primárias.

Existem seis cores terciárias criadas pela combinação de partes iguais de uma cor primária e secundária.

Todas as outras cores, a lista é infinita, vêm combinando diferentes quantidades e saturações dessas cores e às vezes adicionando preto ou branco.

Essas “categorias” de cores básicas são usadas no desenvolvimento de estratégias de marca e marketing, empregando diferentes combinações para atingir o objetivo, a imagem e o propósito da empresa.

Cores primárias

As cores primárias são vermelho, amarelo e azul, como costumamos ver em brinquedos infantis. As cores primárias são a base de todas as outras cores e estão presentes nos elementos mais fundamentais que os humanos experimentam na Terra: fogo, água e luz solar.

O vermelho está associado a emoções fortes, pode levar à ação e até mesmo causar alterações fisiológicas, que afetam a maneira como os consumidores tomam decisões.

O amarelo, como já mencionamos, é a cor da felicidade, do brilho e da possibilidade. Essas ideias despertam entusiasmo e atraem clientes para um produto ou serviço. O azul é a cor da paz e do silêncio. Os consumidores podem confiar na estabilidade e tranquilidade de um produto que usa essa cor.

Cores secundárias

As cores secundárias são laranja, verde e roxo. O laranja, a combinação do vermelho e do amarelo, proporciona a empolgação do vermelho com o otimismo do amarelo.

Verde, a mistura de amarelo e azul, é a cor da natureza. Fresco e relaxante, é a cor do novo crescimento, das origens simples e da sorte.

Os clientes também podem sentir uma ideia da abundância ou frescor dessa cor. Roxo, a mistura de vermelho e azul, é a cor da realeza e da magia. Transmite luxo, imaginação e sabedoria, sugerindo que uma marca pode oferecer o que há de melhor naquilo que tem a oferecer.

Cores terciárias

Uma cor terciária é feita pela mistura de uma quantidade igual de uma cor primária com uma cor secundária. Os exemplos incluem água ou azul-petróleo, que são combinações de azul e verde. Magenta é uma combinação de vermelho e roxo e âmbar é uma combinação de amarelo e laranja.

As cores terciárias desempenham um papel importante na psicologia das cores porque adicionam cores mais profundas e variadas à paleta da marca.

Você aprendeu o significado de cores no marketing? Se quer aprender sobre isto e muito mais, deve conhecer o MBA em Marketing Digital onde conhecerá as melhores estratégias de marketing e usabilidade para as empresas do futuro.

MBA em Marketing Digital

Conheça as melhores estratégias de marketing e usabilidade para as empresas do futuro

Tenho interesse!

Compartilhe e comente este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...

IEBS NAS REDES

PRÓXIMOS EVENTOS

BUSCAR NO BLOG